Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

6 Comentários »

Após as últimas atualizações do Google (Panda e Penguin), saber como usar o Servidor ganhou ainda mais importância na otimização de sites para mecanismos de buscas. Questões como tempo e código de resposta, assim como a estrutura do HTML devem ser levadas em consideração na hora de otimizar o seu site.

Apesar de sua importância, esse é um assunto que nem sempre está na cabeça do especialista de SEO . Pensando nisso, resolvemos escrever um post com os principais pontos a serem abordados sobre esse tema.

As questões do servidor que podem impactar o seu site

Tempo de resposta

Ninguém gosta de esperar uma página que demora a carregar. Isso pode fazer com que o seu usuário desista de acessar o seu site. Além de diminuir o tempo médio do usuário no seu site, também aumenta sua taxa de rejeição, o que é péssimo para a experiência do usuário, justamente o foco do Google Panda. Quanto mais rápida for resposta, maior será o seu sitespeed, que é considerado um fator para ranqueamento nos buscadores.

Server Timeout

Este é um pouco mais raro, mas pode acontecer. De tão demorado que o servidor é em responder a requisição do crawler, este pode não receber essa resposta, afetando no ranqueamento de uma página ou até mesmo não indexando-a.

Limite de transferências

Alguns servidores limitam a quantidade de dados que entram e saem de um site. Isso é ruim, porque quanto maior o crescimento do site, maior será o número de requisições de dados.

Caso haja uma sobrecarga, o buscador pode ficar sem informações necessárias e considerar que seu site não tem conteúdo completo, fazendo que o seu site perca muitas buscas por não ter o seu conteúdo encontrado pelo buscados.

Sistema de nome de domínios

O Domain Name System (DNS) traduz o nome de um domínio em um endereço IP. Caso o domínio não esteja endereçado corretamente, o DNS não executará o processo corretamente e os buscadores terão grande dificuldade em obter algumas informações do seu site.

Códigos HTTP

É imprescindível utilizar corretamente os principais códigos de retorno do servidor. Ele ajudam o buscador a entender o intuito de uma página.

301 – Sem dúvidas, este é o mais importante para o SEO. Ele indica que a página foi removida permanentemente para um novo local. Sempre que você for mudar de plataforma ou otimizar a URL, é imprescindível que você faça o redirecionamento 301 das antigas páginas para as novas. Dessa forma, você passará toda relevância das antigas páginas para as novas.

302 – De modo geral, este não deve ser utilizado para questões ligadas ao SEO. Indica que a página foi removida temporariamente.  Os buscadores continuarão rastreando a antiga página, apesar dos usuários serem redirecionados para as novas. Neste caso,  a relevância fica sendo acumulado para uma página que não é exibida para ninguém, ou seja, jogada fora.

401 – Indica que o usuário precisa ser autenticado para ter acesso à página.

403 – Essa resposta acontece quando o servidor negou acesso à requisição do usuário.

404 – Talvez, de todos, seja o mais comum. É quando uma página não é encontrada pelo servidor, seja por ela não existir ou qualquer outro motivo.

500 – É um código de erro genérico. Acontece quando uma página não pode ser acessada quando um arquivo não está num local padrão.

O poder da página de erro 404

Muita gente faz pouco da página de erro 404. Um grande engano!

Quando um usuário se depara com uma página 404, ele tende a ficar desmotivado e ir para outro site. No entanto, você pode usá-la ao seu favor.

Uma página de erro bem construída traz enormes benefícios para o site. Ela pode aumentar o tempo de visita, o número de páginas visitadas e, por conseguinte, aumentar a taxa de conversão.  Além de diminuir a frustração de quem entrar numa página que não exista, aumentando as chances do usuária continuar navegando no seu site.


Algumas dicas:

1 – Construa uma página 404 atrativa para o seu usuário 
2 – Saia do lugar comum. Use sua criatividade para surpreender positivamente o seu usuário.

3 – Crie um conteúdo interativo. Tenho certeza que o seu usuário irá ficar tentado a testar.

4 – Faça com que a página 404 estimule o seu usuário a acessar outras páginas do seu site.

A própria página de erro 404 da SEO Master pode ser um exemplo de boa página de erro 404:

www.seomaster.com.br/exemplodepaginadeerro404iradex

 Página de erro 404

Plug-in para saber código de resposta HTTP

Um plug-in muito interessante que nos dá o código de resposta do servido é o HTTP Fox. Como o próprio nome sugere, ele é um plug-in para Firefox e somente funciona dentro deste navegador.

É muito simples usá-lo. O primeiro passo é a instalação. O HTTP Fox está disponível neste endereço: https://addons.mozilla.org/pt-br/firefox/addon/httpfox/

Uma vez instalado, você deve ativá-lo. Para fazer isso, abra o menu do Firefox e clique em “Complemento”. Vá em “Extensões”, que se localiza no menu da esquerda, e clique em ativar o HTTP Fox.

Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

 

O próximo passo é abrir novamente o menu do Firefox, abrir “Opções” e habilitar “Barra de Extensões”, como mostra a figura 2.

Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

Agora que você já ativou o HTTP Fox, para usá-lo é muito simples. Basta clicar com o botão direito na página que você analisar e clicar em “Inspecionar elemento”. Clique no símbolo do HTTP Fox, que está localizado à direita, na parte de baixo do menu de inspeção de elemento.

Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

Quando abrir a barra do HTTP Fox, é só dar “Start” e carregar a página. Os códigos dos servidores irão aparecer dessa forma:

Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

 

Conclusão

Ao otimizarem o seu site (ou contratarem uma consultoria SEO) não esqueçam de se preocupar com questões referentes ao servidor. Apesar de não ser tão comum ver artigos a respeito, procure se informar o máximo possível. Negligenciar essa questão pode custar muito caro.

 

E, vocês, já enfrentaram algum problema devido a questões de SEO ligadas ao servidor?

6 comentários para “Otimização de Servidor: veja dicas de SEO técnico

  1. Olá pedro,

    Ótimo artigo amigo parabéns, e muito obrigado pelas dicas elas são muito uteis, esses questões de otimização do servidor apesar de isso sair um pouco caro, boa parte delas pode se resolver, simplesmente contratando um bom serviço de hospedagem.

    Quanto à questão do poder da página de erro 404 o fato de sempre ser considerável o numero de visitantes que termina caindo na nessa página de erro, faz com que essa dica valha ouro.

    Um grande abraço

  2. De muita vália seu Post, as premicias em SEO começa pela escolha da Hospedagem ja que muitos optam pelo preço do serviço de hospedagem não levando em consideração, tempo de resposta, localização do servidor entre outros fatores que afetam diretamente na implementação de SEO e consequentemente no sucesso do projeto. Parabéns.

  3. Olá, boa noite!

    Sempre que entro em um link acabo passando um tempão de página em página. Minha posição já está subindo e espero estar na primeira página nacional da minha categoria em alguns meses. Muito obrigado pelo trabalho de todos!

    1. Que beleza Gui! ;]
      Sempre ficamos felizes quando alguém diz que nós conseguimos ajudar a melhorar o desempenho do site!
      Até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SP São Paulo (11) 2640-7284 Rua Manuel da Nóbrega, 456 conj. 65 - Paraíso - São Paulo - SP
RJ Rio de Janeiro (21) 4126-1965 Tv. Domingos Candido Peixoto, 501 / casa 1 - Icaraí - Niterói - RJ