Novo Fator de Rankeamento no Google: Velocidade de Carregamento

Novo Fator de Rankeamento no Google: Velocidade de Carregamento

11 Comentários »

Agora é oficial: a velocidade de um site é fator para rankeamento no Google. Parece que o lobby feito por Matt Cutts em sua apresentação no último PubCon deu resultado: o Google anunciou sexta-feira passada que a velocidade de carregamento de uma página é mais um dos cerca de 200 fatores que determinam os rankings dos resultados em seu sistema de buscas.

Velocidade na Internet como fator de posicionamento no Google

Apesar de Matt Cutts e o próprio Google dizerem que esta mudança vai afetar menos do que 1% dos rankings atuais, ambos aconselham fortemente trabalhar para reduzir o tempo de carregamento das páginas de seu site – e nós também. Os motivos?

  • Aumento de Pageviews
  • Maior Conversão
  • Melhora da experiência do usuário no site
  • Redução de custos operacionais

Ou seja, torne seu site mais rápido, deixe seu usuário mais feliz e obtenha mais conversões (vendas, downloads, cadastros, etc.).

Para entender melhor os fatores de rankeamento e outros aspectos de SEO inscreva-se no nosso curso presencial.

No post do anúncio oficial, o Google recomenda algumas ferramentas gratuitas para ajudar webmasters a reduzir o tempo de carregamento de seus sites. Segue a lista:

A velocidade de carregamento não é um fator tão importante como outros realmente relevantes, tanto é que somente vai influenciar no posicionamento de uma porção bem pequena dos resultados das pesquisas. Portanto, conforme o próprio Matt disse, não há motivo para pânico – ainda mais para nós brasileiros, já que esta novidade será implementada inicialmente apenas no google.com e para buscas em inglês.

Hoje, o tempo de carregamento de um site não tem influencia significativa em seus rankings. Mas e no futuro? Será que uma página que demore por volta de 10s para abrir vai ser “penalizada” por uma empresa que considera velocidade na web um fator muito importante para seus produtospesquisa por isso constantemente? Essa resposta somente o tempo irá nos dizer, porém fica a mensagem (ou dica) do Matt Cutts: “a faster web is better for all” (em Português: uma Internet mais rápida é melhor para todos).

E você, o que acha a respeito disso? Também utilizaria o tempo de carregamento como fator para determinar os rankings de seu mecanismo de busca?

Se você gostou do nosso blog, assine o RSS ou então receba os posts por e-mail.

 

TAGS

11 comentários para “Novo Fator de Rankeamento no Google: Velocidade de Carregamento

  1. Como profissional da área, dou ênfase nesse item desde a chamada Web 2.0. Acho que uma página com abertura lenta é a porta de saída para um futuro cliente ou visitante. Aliás, a própria ferramenta de analise da SEOMASTER já trata desse aspecto com muita eficiência. Todavia se o Google aplicar isso no Brasil, sites como MSN e Yahoo, terão que rever seus códigos, o que acho muito improvável. Muito bom o alerta e aproveito este para deixar aqui um forte abraço para a galera do SEOMASTER, que acompanho desde a fundação. Recentemente lancei um hot site sobre treinamento SEO e ficaria honrado com uma visita e o comentário do representante da SEOMASTER. http://cursodeformacaoseo.griff.art.br/

    Um forte abraço!
    Vincent Benedicto

  2. Muito interessante, apesar de ñ se saber ao certo quando chegará ao brasil, precisamos está prontos. Pois, “Quando o dia da decisão chegra, o tempo da preparação já passou.”

  3. Muito bom esse post e boa a colocação do Prof Vincent do Curso de SEO quando diz que o google terá que rever seu código. Eu acompanho o trabalho do Seo Master que diga-se de passagem é perfeeito. Dentre os conhecedores de SEO no Brasil tenho certeza que é o melhor. Existe muita crianças de salto altíssimo dando palestras e com o estrelismo as alturas. Considero o SEO Master o Mr. M do SEO. Ele mata a cobra mostra o pau mas não se expõe em troca de mídia barata! O Prof Vincent também faz um bonito trabalho com a equipe do Seo Training… Um dia ainda conhecerei esses dois pessoalmente…

    Obrigado pelo contato, pelo aprendizado e viva o SEO e a tecnologia

    Darcio / RS

  4. Interessante.
    Segundo o “Webmaster tools” meu site leva em média 4 segundos para abrir e está lento, segundo o Pagespeed meu site está rápido…

    Testei alguns sites (brasileiros) com o Pagespeed e a maioria que testei estao lentos.

  5. O diretor do Google na reunião na comissão de defesa do consumidor em Abril de 2010 informou que o Brasil possui cabos óticos passado por todo o território nacional, mas não está funcionando devido o apoio que o Governo da para as telefônicas, pois quando a internet for mais rápida no Brasil acabará de vez com os preços altos que as telefônicas nos impõem, pois o VOIP dominará o mercado e tudo melhorará.

    Inclusive espera-se que as companhias aéreas terão prejuízos no futuro, devido a conferência e reunião realizada por VOIP ao invés de perder tanto tempo com deslocamento.

    É a teoria da eficiência. Ou seja, ainda vai demorar para os servidores ser tão rápido, pois o Governo não apóia como deve.

    http://www.ibsweb.com.br

  6. Olá

    Por acaso, a ferramente que eu gosto mais de usar, o Page Speed, acusa erros no próprio botão SoBoo. Um item eu consegui corrigir, mas outros ainda não. Se vocês pudessem “dar uma luz”, ficaria grato.

    Abraços.

  7. A velocidade do carregamento da página influencia até mesmo na hora em que o robô de busca está passando pelo site, mas um fato que me chama atenção é que as ferramentas de análise tipo o Analytics e o WhosAmungUs deixam o carregamento das páginas bem mais lento do que quando estão desativados. O fato é que estas ferramentas são imprescindíveis para quem quer ter o perfeito conhecimento do que acontece ao seu site e do comportamento dos visitantes. Se isto for fator de rank certamente deixará muita gente preocupada, em especial a grande maioria que faz uso de provedores de hospedagem compartilhados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SP São Paulo (11) 2640-7284 Rua Manuel da Nóbrega, 456 conj. 65 - Paraíso - São Paulo - SP
RJ Rio de Janeiro (21) 4126-1965 Tv. Domingos Candido Peixoto, 501 / casa 1 - Icaraí - Niterói - RJ