Desvendando o Link Building

Desvendando o Link Building

14 Comentários »

Link Building é a união de várias técnicas de otimização SEO que devem ser desenvolvidas para obter links externos que apontem para determinado site, essenciais para um bom ranqueamento nos sites de busca.

Desvendando o Link Building
Processo de Link Building: Geração de links

Se o link building for feito da maneira certa, as chances de ficar bem posicionado entre os resultados do Google crescem bastante. Não é só o posicionamento que melhora, mas também o fluxo de pessoas que podem vir por esses links, além de aumentar o PageRank.

Aprenda mais sobre Link Building e outros aspectos de SEO no nosso curso presencial.

O valor de PageRank de um site é calculado através da quantidade e qualidade de links que apontam para ele. O Link Juice, por sua vez, é a porcentagem de PageRank transmitida de uma página para outra através de um link. Entenda melhor no vídeo que separamos:

Abaixo vamos conferir algumas formas para aumentar a quantidade de links do seu site:

Diretórios de Sites

Os famosos Diretórios de Sites nada mais são do que sistemas que tem como função listar diversos sites de forma categorizada. Geralmente não existem muitas restrições para um site ser aceito em um diretório, e a aceitação do site é feita através de um cadastro.

Caso um diretório seja o que você precisa, é recomendável mudar o title e a description em cada diretório onde você for submeter seu site; não é nada aconselhável manter exatamente os mesmos dados em todos os sites.
Porém, lembre-se: como a quantidade de sites presentes em diretórios é grande, a relevância de um link presente neste tipo de sistema não é tão grande, pois ela vai sendo pulverizada.

Desvendando o Link Building
Exemplo de Diretório de Sites

Vale lembrar que após as atualizações do Panda e do Penguin, mecanismos do Google, a relevância dos diretórios diminuiu mais ainda.

Competidores

Todo mundo tem a ideia de quanto mais longe você estiver do seu competidor, melhor. Bem, no link building não é exatamente assim.

Analisar bem os sites de seus competidores e conhecer os links presentes neles pode ser uma boa estratégia para a obtenção de links externos. Partindo do princípio que seu competidor tem o mesmo tipo de conteúdo que você e que ele tem um link para um terceiro site, este terceiro site pode vir a se interessar pelo conteúdo do seu site.

Atenção: Não veja essa estratégia como sua única opção. Dar uma olhada no que seus concorrentes tem é bom, mas sempre busque por mais conteúdo e não sempre às sombras de outros sites

Link Bait

O link bait é uma espécie de atrativo que um site tem, um incentivo que as pessoas precisam para gerar links para um site. Grandes notícias, listas e tópicos de discussões estão entre as formas de link bait. Um bom infográfico também é uma ótima opção de link bait, como vemos logo abaixo:

Desvendando o Link Building
Infográfico, forma de Link Bait

Para entender melhor o conceito, vamos lembrar dos blogs de maquiagem. Sim, os famosos blogs que ensinam as meninas a se maquiarem dando dicas de produtos e fazendo tutoriais. As listas de “Os 10 melhores produtos para a pele” ou “Os looks mais em alta da estação” são grandes exemplos de link bait; são conteúdos que geram atenção do público, que vai mostrar para outras pessoas e, assim, aumentar a visibilidade da landing page.

Ferramentas

Nada mais são do que ferramentas que estão disponíveis em seu site e que podem ajudar outros sites e pessoas. Contadores de visitas, selos, dispositivos que mostram o valor do Page Rank… várias são as opções que podem entrar nesta categoria.

Desvendando o Link Building
SoBoo e Free Scanner, ferramentas da SEO Master

Na figura acima vemos o Free Scanner, um ótimo exemplo de ferramenta disponível no site da SEO Master; com ele é possível ver se a otimização onpage de qualquer site está correta, e isso sem qualquer custo. Sendo uma ferramenta que o site oferece aos seus usuários sem nenhum custo, é uma boa maneira de criar laços com responsáveis por outros sites, que podem no futuro gerar links externos para o site que disponibilizou aquela ferramenta.

Participação na Web

Ser uma figura presente na Web é muito importante na hora de conseguir links para seu site.

Participar de fóruns de discussão, por exemplo, é uma maneira ótima de estar presente entre as pessoas que falam sobre o assunto do seu site, o que pode ser uma oportunidade de mostrá-lo à elas. Procure por lugares que reúna os donos de sites que podem gerar bons links para o seu site. Seja visto por essas pessoas e torne seu site relevante.

Requisição Pessoal

Quem nunca passou por aquela situação de troca no maior estilo “você faz isso por mim que eu faço isso por você”? Isso ainda acontece – e muito – com sites; uma pessoa que tem um site entra em contato com outra, pedindo para colocarem um link do site dela que, em troca, ela também colocaria o link do site da outra pessoa. Simples assim, mas não tão eficaz.

Este, que era um dos jeitos mais usados no começo da internet e da popularização dos sites, vem se tornando cada vez mais ineficaz. O Google não gosta nada desta troca de links e tende a punir quem usa dessa estratégia.

Donos de sites não querem gerar links para um outro site sem um motivo, querem ter um conteúdo bom atrelado ao nome de seu site. Além disso, o mínimo de relação com o dono do outro site é essencial, o que nos leva ao próximo procedimento, o Relacionamento.

Relacionamento

Este seria uma espécie de “evolução” da requisição pessoal. Agora, antes do e-mail “coloca um link para o meu site que eu coloco um para o seu” vem todo um processo de construção de relacionamento entre os dois sites. Começa com comentários em posts, principalmente com colaborações construtivas. Participar do outro site, ajudá-lo a crescer e gerar buzz para ele são coisas que ajudam a estreitar as relações entre os sites – principalmente blogs.

Deste jeito fica muito mais fácil de conseguir um link naquele site que você sempre comentou e deu importância.

Guest Post

O guest post é um dos recursos mais usados na hora de conseguir um link externo. Para quem não conhece, é o artigo postado em um outro site, porém com um link para o seu. Teoricamente é um processo fácil, mas na prática pode tomar bem mais tempo do que o esperado.

Comece procurando por sites que você considera como bons links, com conteúdo legal e bem visto. Depois de encontrá-lo, entre em contato com o dono do site mostrando o seu interesse em fazer um artigo para o site dele, e que este artigo conteria um link para o seu. Cabe a ele aceitar sua proposta ou não.

Muitos sites e blogs ultimamente vem cobrando valores ou benefícios em troca da presença de links em artigos ( também chamados de Posts Patrocinados ou Publieditoriais ), mas não é uma regra.

Monitoramento de Mídias Sociais

Esteja por dentro do que é discutido nas mídias sociais, principalmente quando um assunto está relacionado ao assunto do seu site. Um bom monitoramento no Facebook e no Twitter, por exemplo, além de aumentar a chance de conhecer pessoas relevantes no seu meio, também é uma ótima maneira de apresentar o seu site – afinal todo mundo já sabe do poder das mídias sociais.

Press release

Pois é, o press release também pode ser um aliado na hora de conseguir mais audiência para o seu site – e consequentemente links externos.

Conseguir divulgar em sites uma grande notícia ou algo que um grande número de pessoas considere importante pode gerar um aumento na audiência de um site, principalmente quanto o conteúdo exposto nele é igualmente importante. Antes de apostar no press release, porém, analise seu site e veja se vale a pena a tentativa ou se outros procedimentos podem ser mais eficazes. 

Link Building, um processo contínuo

Já deu para perceber que fazer link building não é uma coisa fácil, mas também não é nada impossível. O que desanima muita gente é a necessidade de fazê-lo sempre, o que caracteriza o link building como um trabalho a longo prazo. Mesmo tendo esse trabalho todo, vale a pena para o SEO externo do seu site; quanto mais links externos, melhor para o seu site.

14 comentários para “Desvendando o Link Building

  1. Paula, gostei bastante deste artigo, vou deixar salvo como fonte de consultas futuras. Achei particularmente interessante o conceito do link bait e a importância de gerar um conteúdo de qualidade que possa servir como tal. Mas uma vez pronto, qual a melhor forma de divulgar esse material para que ele atinja os objetivos de uma verdadeira “isca de links”? Ou basta publicá-lo no blog como mais uma postagem convencional e esperar que seja naturalmente descoberto?

  2. De acordo com as últimas atualizações do Google, vide “Panda” e principalmente o “Penguin” , o link building não é mais uma estratégia a ser considerada.

    Acho meio arriscada essa afirmação: “quanto mais links externos, melhor para o seu site.”

    Isso já não é uma afirmativa 100% correta.

    No mais, interessante o post.
    Parabéns.

    1. Olá SeoM, tudo bem contigo?

      Primeiramente obrigada pelo elogio, sempre gostamos quando os nossos leitores aprovam o conteúdo que postamos.
      Agora vamos lá então… Creio que afirmar que o “link building não é mais uma estratégia a ser considerada” não esteja correto. O link building é a base do SEO externo, que por sua vez é imprescindível para uma boa campanha de SEO. Com as atualizações do Panda e do Penguin, o que mudou foi a forma de fazer link building e não a questão de fazer ou não.
      Quanto à frase “quanto mais links externos, melhor para o seu site”, reconheço que ela ficou um pouco fora de contexto no parágrafo. Não adianta ter muitos links de um mesmo lugar apontando para um único site que o Google não vai ver com bons olhos; o ideal é que os links apontando para um site partam de vários sites diferentes e com PR bons, mas não é uma regra.

      Espero que agora tenha ficado mais esclarecido e valeu pelo comentário =]

  3. Acredito que está cada vez mais complicado contar com diretórios. Foram bastante eficientes durante um tempo mas, após os constantes updates do google, acredito que eles já não sejam mais vistos com bons olhos.
    Link baits, relacionamento e conteúdo relevante têm sido mais eficiente, pelo menos por aqui! Acredito cada vez mais no poder das redes sociais para divulgação de conteúdo, porém é preciso bastante conhecimento de público para emplacar uma campanha bem sucedida.

    No comentário acima o Robson comentou sobre a divulgação desse conteúdo de qualidade. Acredito que as redes sociais são ótimas ferramentas para serem exploradas!

    Parabéns pelo artigo Paula, está bem afinado com a atual realidade do search!

  4. Ola a todos,

    estou pesquisando sobre a importancia de se obter links, e como obtê-los não parece uma tarefa fácil, visto que é algo que se tem que fazer de modo constante. Vi também que existem algumas empresas (ou sites, nao sei se são empresas) que oferecem pacotes de links para você comprar…

    a questão é se isto é válido, se istó é algo confiável, e se vale a pena comprar estes links para melhorar o pagerank?

    alguem que já tenha tido alguma experinecia com isto poderia comentar, por favor.

    Att,
    clovis.

  5. Nosso portal regional tem excelente tráfego, ótima posição nos motores de busca e um pagerank considerado ruim = 2. Não vejo influência direta do pagerank no sucesso de um site, pelo menos em alguns casos. Existem sites com pagerank 4 ou 5cheio de links externos mas menos acessados que tantos outros. Apenas uma opinião pessoal. Obrigado.

  6. Pagerank é um fator muito importante e com certeza influencia diretamente no posicionamento das SERPs. Esse artigo mostra o guia básico que todo webmaster deve saber sobre linkbuilding. Eu acredito que a melhor forma de aumentar o Pagerank sempre será conseguir links de qualidade de sites como diretórios, blogs, fóruns, etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SP São Paulo (11) 2640-7284 Rua Manuel da Nóbrega, 456 conj. 65 - Paraíso - São Paulo - SP
RJ Rio de Janeiro (21) 4126-1965 Tv. Domingos Candido Peixoto, 501 / casa 1 - Icaraí - Niterói - RJ